GOVERNO DO ESTADO SE REÚNE COM INSTITUIÇÕES PARA AMPLIAR CRÉDITO RURAL NO MARANHÃO

Governo, instituições de crédito e demais poderes se reuniram para discutir financiamento rural (Foto: Luiz Paula)


O Governo do Maranhão tem realizado várias iniciativas ao longo do mandato para beneficiar produtores do campo, como interlocução com instituições de crédito e demais poderes, visando promover a regularização ambiental das propriedades rurais e incentivando, por meio de programas, a produção agropecuária e na agricultura.

Nesta segunda-feira (13), o vice-governador Carlos Brandão participou de um encontro para que seja dado mais um passo importante em prol da atividade agrossilvipastoril – combinação intencional de cultivos agrícolas com objetivo de aumentar a produtividade e a sustentabilidade por unidade de área. 

O vice-governador comentou sobre o resultado da discussão que defende a demanda de produtores rurais para que consigam financiamento, necessário, principalmente, durante a retomada da economia.

“Avançamos e chegamos a um consenso, estamos encaminhando um projeto de lei para a Assembleia e entendemos que é possível resolver pendências jurídicas e assim permitir que os produtores tenham acesso ao crédito rural para que eles possam desenvolver as suas propriedades gerando emprego e renda”, comentou Carlos Brandão. 

O procurador-geral do Estado (PGE), Rodrigo Maia, explicou a finalidade da reunião e o resultado que se pretende alcançar. 

“Trata da regularização das atividades agrossilvipastoril, os produtores que precisam de financiamento, e para isso regularização ambiental. E nós estávamos conversando com as gestões financeiras, justamente para verificar a melhor forma de fazer um documento do Estado que dê essa regularidade e que permita às instituições financeiras retomar os financiamentos, considerando que o Banco Central exige a regularidade ambiental”, disse Maia.

Já o secretário de Meio Ambiente e Recursos Naturais, Diego Rolim, informou que uma minuta de propostas será encaminhada para que possa atender as principais demandas, a exemplo da regularização ambiental. Para ele, a participação de Brandão foi fundamental para a interlocução com todos os atores envolvidos no processo.

“Foi vital a participação do vice-governador, que fez toda a interlocução entre as instituições com os demais poderes, inclusive as secretarias que compõem o Governo do Estado do Maranhão, para que viabilizássemos uma minuta de propostas para que possam fomentar cada vez mais o desenvolvimento sustentável do nosso estado e conceder a regularização ambiental dos empreendimentos”, avaliou Rolim.

Também participaram da reunião o secretário de Estado de Agricultura, Pecuária e Pesca (Sagrima), Luiz Henrique Lula; e a secretária adjunta da Agricultura Familiar (SAF), Luciene Figueredo.

Postar um comentário

0 Comentários